terça-feira, 23 de dezembro de 2008

A árvore gigante e uma noite mágica...

A primeira vez que visitámos a árvore gigante ela estava am Belém... nesse ano éramos 4... foi uma noite mágica de Natal, passeámos pela nossa cidade, berço dos meus avós, e vimos as luzes, uma árvore de Natal gigante e para finalizar.... uns belos pastéis de Belém.... foi o ultimo Natal onde estivémos os quatro... e foi espectacular!!!!
No ano seguinte não podiamos deixar de ir visitar a nossa árvore novamente... assim pegámos na avó Isabel e fomos os 3, quer dizer já quase quatro porque dentro da minha barriguinha já estava 1 piratinha a crescer e 1 mês depois iria aparecer... tornámos a visitar as luzes, a árvore e os pastéis... e prometemos tornar esta a nossa tradição...
O ano passado o piratinha passava por um Inverno terrível, tinha entrado para o colégio e estava sempre doentinho... não conseguimos sair de noite para ver nada, com medo que ele ficasse pior ... e com muita pena nossa .... não fomos ver a nossa amiga gigante....
Este ano voltou a ser um inverno terrivel, ou eu ou o papá pirata, ou agora o piratinha.... mas não podiamos falhar novamente..... e tinhamos de ir antes do Natal... para ser mais mágico ainda por isso ontem:

voltámos a Lisboa, agora sim 4 novamente... vimos as luzes e demos gargalhadas de cada vez que o piratinha dizia: "mais! mais! lá em cima!", vimos a nossa amiga árvore gigante e ficámos a namorá-la muito tempo, corremos pela noite atrás de um pirata fugitivo, rimos e demos abraços e mimos.... e acabámos com um brinde feito com pastéis de Belém e com a promessa de voltar sempre porque a estrela mais brilhante de todas estava lá connosco e estará sempre nesta noite que tornámos mágica... nesta nossa tradição de Natal!!!!


aqui vos deixo algumas imagens que valem mais do que mil palavras... porque as homenagens devem ser feitas em vida.... e se passamos a vida a correr... às vezes damos conta de que não dissémos tudo aquilo que queriamos dizer... e o tempo passou...
Avó querida, aproveito para deixar aqui neste cantinho que já faz parte da minha vida, que criei para o meu filho me conhecer e aprender... neste cantinho onde deixo bocadinhos de mim...
Adoro-te muito muito muito... lembro-me de tudo:
  • das vezes que tomavas conta de mim... dos jogos... dos mimos... das conversas...
  • das nossas férias em tróia, ou das idas à praia da torre ....
  • da história do teu amor com o avô...
  • dos desabafos de mim para ti e de ti para mim...
  • das idas ao cinema...
  • das vezes que me telefonas e dizes que me adoras muito
  • da grande mulher que és e que nunca vou esquecer...

quero que saibas que te admiro muito e aprendi e aprendo muito contigo, desculpa as vezes que digo que não tenho tempo e não te telefono, desculpa não te ouvir todos os dias... preciso de ti muito e os outros piratas também....

o papá pirata tem uma avó adoptiva espectacular e o Diogo... bem... adora a avó Bel... são tão parecidos às vezes vocês... quem vos vê a brincar juntos... ou a olhar uma árvore gigante, 2 gerações separadas por 80 anos da maneira mais linda que alguém pode ver

Adoro-te avó querida serás para sempre o meu sol :)
nunca te esqueças que te amo
esta tua neta maluca
Klau
"parecemos felizes não parecemos?? "... é porque somos avó!!!!

10 comentários:

receitasdapiteca disse...

Bem confesso que esta tua mensagem me deu vontade de chorar... :)
Espero que continues sempre a dar muito valor a tudo aquilo que é importante na tua vida miga, porque ela infelizmente é muito curta! Boas festas para ti e para os teus!
Beijocas!

Karla disse...

AHHHHHHHHHHHHHH uma foto tua!!!!
Linda....já me deixaste de lágrima no olho...este tema dos avós deixa-me sempre neste estado :)
Adoro a vossa tradição e quando quiseres vir aos pastéis diz-me...eu tou por aqui :P

beijinhos enormesss

Gina disse...

Kláudinha, querida, A-D-O-R-E-I esse post. Fiquei até emocionada...
Bela homenagem a sua avó e que momento lindo compartilhado em família. Gerações diferentes, que mantêm o amor unindo a todos.
Gostei de te conhecer.
Bjs, e um ótimo Natal!

Kláudinha disse...

obrigada amigas por estas palavras tão carinhosas... aproveito para vos dizer que imprimi toda esta homenagem juntamente com as vossas palavras e neste momento... nesta noite tão linda que é a noite de Natal... a minha querida avó está a ler estas palavras...

querida avózinha... por esta é que tu não esperavas pois não? como vês mesmo quem não te conhece te dá imenso valor... e quem tão bem te conhece .... também quiz aproveitar esta opurtunidade de te homenagear:

por isso aqui vão....

será que consegues adivinhar quem são???
____________________________

Passei a ter mais um ídolo

“ Ainda recordo um baile nos Bombeiros de Belas, ainda nos conhecíamos há pouco tempo, em que tomou a iniciativa de vir dançar comigo e me questionou sobre as minhas intenções sobre a sua querida filha Né (da flôr no cabelo), que como se veio a confirmar eram as melhores.
Com o passar dos anos esta mulher tem-se revelado de uma personalidade admirável, tem sido a força que faz a nossa família cada vez mais unida e que goza do prazer de estar junta, demonstra grande jovialidade e inteligência, surpreende-nos a cada momento com a sua atitude e pensamento sempre pela positiva, enfim uma sogra que qualquer um gostaria de ter mas na realidade é minha e que quero continuar a disfrutar da sua companhia por muitos e muitos anos.

Palavras sinceras e sentidas do seu Genro Nando.

_____________________________

Olá minha querida filha,

O teu blog ficou ainda mais enriquecido com a tua homenagem à tua querida avó, é comovente ler as tuas palavras ditadas do teu coração, sinto-me muito feliz por lhe teres transmitido todo o teu amor, porque para além de ser a tua mãe, sou também a filha da tua querida avó.

Também gostaria de deixar a minha declaração de admiração e carinho que sinto por ela:

Tenho um orgulho enorme de ter uma mãe de 85 anos, que embora tenha entristecido um pouco, ou talvez muito, por ser viúva há 3 anos e sentir uma “saudade lavada”, como costuma dizer, por só ter a recordar os momentos felizes que viveram, é uma mulher muito acarinhada e amada por toda a famíla, que constantemente lhe transmite o quanto é bom tê-la por perto, ouvi-la falar na sabedoria dos seus conselhos, ser uma mulher sempre actualizada com o mundo, uma mulher que acompanha a evolução da vida, que adora a gente jovem, que lê os livros “best seller”, que acompanha os noticiários, que adora ir ao cinema e ao teatro, e acima de tudo que nos sabe ouvir, e que em troca nos dá aquela palavra que nos faz sentir melhor, e que nos dá aquele abraço apertado que nos aquece o coração, e que com o seu olhar profundo nos diz: olha que a mãe gosta muito de ti, olha que a avó gosta muito de ti, e nós sabemos, até já estamos à espera que nos diga, mas gostamos tanto de ouvir.

Pois é querida mãe, também eu lhe estou sempre a demonstrar o meu amor, mas parece-me sempre pouco o que faço. Podia dizer-lhe que gosto de si, como daqui até à lua e voltar, podia dizer-lhe que gosto de si como tantas gotas tem o mar, podia dizer-lhe que gosto de si do tamanho do infinito, etc., etc…. Mas gosto de si naquele abraço em que ficamos muito juntinhas, muito aconchegadinhas, nos beijinhos repenicados que nós damos, e é tão bom ficar assim…..

Adoro-a querida mãe, amo-a tanto que até faz doer, sem si não seria a mãe, a esposa, a amiga, a mulher e a avó que sou, porque tê-la sempre por perto me faz sentir muito feliz, e essa felicidade me faz partilhar todo o amor e carinho a todos aqueles que me rodeiam.

Que Deus a abençoe.

Sua filha NELA


Para ti Cláudia, Beijinhos emocionados da mãe

Kláudinha disse...

_________________________


Uma homenagem tão merecida!!!

Querida avó, admiro-te muito, tens uma força, uma garra e um sorriso que fazem de ti uma mulher única, um ídolo de hoje e sempre.

Como tua "psique" particular deixo a definição de "avó" mais amorosa que já li: a de uma menina de 8 anos.

«Uma Avó é uma mulher que não tem filhos, por isso gosta dos filhos dos outros.
As Avós não têm nada para fazer, é só estarem ali. Quando nos levam a passear, andam devagar e não pisam as flores bonitas nem as lagartas. Nunca dizem "Despacha-te!". Normalmente são gordas, mas mesmo assim conseguem apertar-nos os sapatos. Sabem sempre que a gente quer mais uma fatia de bolo ou uma fatia maior.
As Avós usam óculos e às vezes até conseguem tirar os dentes. Quando nos contam histórias, nunca saltam bocados e nunca se importam de contar a mesma história várias vezes.
As Avós são as únicas pessoas grandes que têm sempre tempo. Não são tão fracas como dizem, apesar de morrerem mais vezes do que nós.
Toda a gente deve fazer o possível por ter uma Avó, principalmente se não tiver televisão.»


Tenho muito orgulho em ti!

Amo-te muito!

Beijo da netinha,

Ritinha.

_______________________________


Mais uma época natalícia e lá fomos nós outra vez dar uma volta pelas luzes da cidade...como era de esperar valeu a pena, aliás só pela companhia já valia a pena (o meu piratinha, a mamã pirata e a Isabelinha) e ainda o belo pastel de Belém. Um passeio "tradicional" muito bom, que se há-de repetir muitas vezes...(já só faltam 12 meses para lá irmos outra vez).

___________________________________


Deixo aqui também o meu testemunho e agradecimento a ter mais uma avó na minha vida. Comecei a entrar na família em 2006 e em 2008 entrei por completo nesta linda e alegre família, onde sinto uma alegria muito grande por fazer parte dela e cada dia que passa ainda mais feliz fico.
Queria agradecer os mimos que já recebi e que vou receber por muitos anos, as gargalhadas que já tive e os abraços que já recebi, Obrigado.
2008 ficará marcado para o resto da vida por ter casado com a Rita e por ser o 1º Natal lá em casa e com as pessoas que mais gosto na vida.

Um beijo muito grande um Feliz Natal e quero mais mimos hehe

Kláudinha disse...

avó querida limpa essas lágrimas de felicidade e dá cá um beijo e um abracinho apertado!!!!!!

sandraf disse...

Kláudinha,
Vinha deixar um beijinho de Feliz Natal a ti e ao teu piratinha, quando me deparei com este post repleto de amizade e gratidão. Como tenho sempre as lágrimas ao conto do olho não pode deixar de me emocionar e pensar nas pessoas que fizeram parte da minha vida e que já não estão comigo...
Um bjs e Feliz Natal para todos.

ameixa seca disse...

Tão lindas, já estou aqui de lágrima no canto do olho :)
No fundo és uma sortuda, eu não tenho nenhum dos meus avós aqui comigo!
Feliz Natal para todos :)

Martuxa disse...

Linda homenagem!
Este ano tb fui ver a árvore com o "presente" ainda na barriguinha :) Faltam só 3 semanas para conhecer a minha princesa.
Espero que tenhas um óptimo natal com os piratinhas, pricipalmente com muito amor!

Beijinhos

Kláudinha disse...

sandraf, as saudades fazem chorar... mas as recordações mantém-nos vivos não é? beijinhos

ameixa, é verdade :) tenho mt sorte em ter esta avó querida e maravilhosa mas tb de ter tido outros 3 avós espectaculares... nao me esqueço deles nunca...

martuxa, que giro estás quase como eu estava que engraçado :) vai ser espectacular vais ver... qd vires a tua princesa vais te apaixonar para sempre beijinhos e mts festinhas nessa barrigota :)

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails